domingo, 29 de agosto de 2010

Algo para admirar ou para torturar?


     Devo admitir que quando o sol apareceu fiquei triste... tudo ficou claro e descobri quem eram as pessoas a minha volta. Você Helena sempre me surpreendendo, desculpa lhe dizer isso mas preferia só ouvir tua voz, conseguia sentir um certo apego por ela, mas agora vejo este teu rosto lindo e fico hipnotizado pela sua beleza e completamente surdo. Tu causas agora uma tremenda desordem nas coisas que vejo... olho para o copo e em alguns segundos vejo seu reflexo nele. Estou pirando por você, achava um doce tua voz agora com teu rosto, fico completamente perdido em teus olhos e retardado com tua voz...

Nenhum comentário:

Postar um comentário