segunda-feira, 6 de setembro de 2010

O esconderijo.

   Senti vontade de desabafar tudo oque esta aqui dentro do meu coração, mas não consigo, alguém trancou e deixou os meus sentimentos sem saída, por isso agora choro. 
   Choro pois é a única maneira de me aliviar por alguns instantes. 
   Não sei quem trancou meu coração, mas também escondeu meus risos que brilhavam forte e agora só vejo uma pequena luz entre minha mente e meu coração, sei que os risos estão lá, mas não consigo encontrar. 
   Quem és tu? Quem lançou sobre mim uma manta de solidão e medo... só sei que tu és um covarde, aproveitou-se da frágil entrada do meu coração e de la correu por todo o meu corpo espalhando a solidão, mas deixa eu te dizer uma coisa. 
   Minha alma e impenetrável...

Nenhum comentário:

Postar um comentário