sábado, 18 de fevereiro de 2012

Ninguém acredita!

   E finalmente acordar pra vida, achar um motivo, sair do esconderijo. Após tantas desilusões acho que preferi dar um tempo de viver, entrei dentro de casa tranquei as portas e fechei as janelas para que o mundo não opinasse nas minhas decisões aqui dentro. 
   Sabe quando você fica cansada de ver as pessoas fingindo, brincando de fazer teatro e não tem nem a capacidade de serem bons atores após tantos anos de prática? 
   De certa forma era muito mais fácil lidar com aqueles personagens do que com as pessoas em si, a ilusão as vezes satisfaz mais que a verdade, mas precisa de doses diárias, enquanto a verdade só uma doze e destrói toda a vontade de entrar em cena, de jogar o jogo.
   E o motivo de entrar em cena novamente? Magoa, vingança, desejo de voltar por cima e escrever as cenas finais da história.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário